Enquete

Você é a favor de uma reforma tributária no Brasil?
Sim
Não

Obrigações do Dia

  • 20/maio/2019
  • IRRF | Imposto de Renda Retido na Fonte
  • Cofins/CSL/PIS-Pasep | Retenção na Fonte
  • COFINS/PIS-Pasep | Entidades financeiras
  • INSS | Previdência Social
  • EFD - Contribuintes do IPI | Pernambuco e Distrito Federal
  • Simples Nacional
  • IRPJ/CSL/PIS/COFINS | Incorporações imobiliárias | Regime Especial de Tributação – PMCMV
  • IRPJ/CSL/PIS/COFINS | Incorporações imobiliárias | Regime Especial de Tributação - RET
  • Previdência Social (INSS) | Parcelamento excepcional de débitos de Pessoas Jurídicas
  • Parcelamento especial da Contribuição Social do salário-educação
  • Previdência Social (INSS) | Parcelamento Especial de Débitos - PAES

Indicadores Econômicos

Moedas - 17/05/2019 13:19:21
  • Nome
  • Compra
  • Venda
  • Comercial
  • 4,098
  • 4,099
  • Paralelo
  • 4,040
  • 4,270
  • Turismo
  • 3,930
  • 4,260
  • Euro
  • 4,575
  • 4,578
  • Iene
  • 0,037
  • 0,037
  • Franco
  • 4,055
  • 4,056
  • Libra
  • 4,098
  • 5,218
  • Ouro
  • 165,310
  •  
Mensal - 06/05/2019
  • Índices
  • Fev
  • Mar
  • Inpc/Ibge
  • 0,54
  • 0,77
  • Ipc/Fipe
  • 0,54
  • 0,51
  • Ipc/Fgv
  • 0,35
  • 0,65
  • Igp-m/Fgv
  • 0,88
  • 1,26
  • Igp-di/Fgv
  • 1,25
  • 1,07
  • Selic
  • 0,49
  • 0,47
  • Poupança
  • 0,50
  • 0,50
  • TJLP
  • 0,59
  • 0,59
  • TR
  • -
  • -

Marketing Pessoal

 Por Prof. Jazon Pereira

Quando é que temos a necessidade de fazer um Marketing Pessoal?
  Será preciso fazer o Marketing Pessoal só quando vamos em busca de um novo emprego?
Será realmente necessário que façamos o tal Marketing Pessoal só em ocasiões que temos em mãos um projeto a ser apresentado, ou temos uma idéia a ser vendida?
Ou esse tal de Marketing Pessoal é obrigatório apenas em ocasiões especiais?
Para que possamos falar desse assunto, temos a necessidade de ao menos buscar um pré-entendimento do que é Marketing Pessoal, e qual é o motivo que ele exerce um alto nível de importância no que tange o mercado de trabalho.

Dentre os muitos profissionais que são ouvidos, que em seus ideais e posicionamentos são considerados pessoas que fazem Marketing Pessoal, de qualquer formas estão praticando essa arte, podendo ele fazê-lo consciente ou inconscientemente. De modo que podemos concordar que é uma disciplina a ser seguida e praticada, pois a mesma vale a pena, desde que a sua pratica seja feita de maneira adequada, sendo que isso varia muito de caso a caso, de situação para situação, em cada ambiente, em cada situação social bem como profissional, de maneira que ao estarmos em um meio profissional mais conservadores, ele exige que ajamos com atitudes distintas, ou realizemos ações mais discretas, sóbrias. E em meios agressivos concomitantemente devemos realizar atividades mais agressivas, e assim sucessivamente. Sendo você leitor, um consultor, um profissional liberal, por exemplo, o seu marketing pessoal tem por necessidade que estar atrelado e incluso publicações de trabalhos em mídias especializadas, como por exemplo, sites, revistas e/ou revistas cientificas, participações em congressos, exposição em reuniões, em encontros empresariais, e é inexoravelmente necessário que haja casos de intervenções bem sucedidas, clientes que inadvertidamente fale de você com naturalidade, fale bem é claro! E que recomendem o seu trabalho dando ao interlocutor entendimento de que você é mesmo conhecedor do que ele fala, e que ele realmente conhece quem ele esta apresentando, você.

Aos profissionais de publicidade, de moda, de artes ou de gêneros parecidos devem apresentar se com marketing pessoal que agregue valor ao seu trabalho, ou seja, deve fazer um marketing pessoal mais sui generis.
Já se você é colaborador em uma grande empresa, sua participação em reuniões tem por obrigação ser prática, objetiva e que venha agregar, ou seja, traga contribuições. Suas metas devem ser claras e alcançáveis, apresentando demonstrações de grata satisfação por parte da equipe, com inegável, sóbria e hercúlea visibilidade.
  Não importa qual seja a situação, quando for convidado para uma interação sócio-profissional isso corresponde aos convites para participar de feiras, de eventos, de congressos, devem ter a sua consideração e atender dentro das suas possibilidades, bem como dentro das disponibilidades de tempo, isso serve para que você mantenha seu network atualizado.
Toda e qualquer produção de Marketing Pessoal perpassa pela maneira como você é visto, ou seja, como as pessoas enxergam você correlacionando você com o seu mundo e correlacionando você dentro do mundo próprio dela também, e isso tem grande relacionamento e reflexos com:

1 – O jeito com que você trata todos a sua volta, sejam superiores, pares ou colaboradores (subalternos, ou subordinados);

2 – O seu traje, isto é, sua indumentária, a forma como você se veste, o jeito como você fala, a sua disposição em ouvir os outros, ou seja, esse é o seu reflexo social;

3 – A maneira como você se comporta, isso é visado tanto na vida profissional, bem como na vida pessoal;

4 – Seja sempre um entusiasta deixe transparecer esse entusiasmo, deixe que as pessoas a seu redor identifiquem com facilidade e reconheçam a confiança que você transmite referente ao que você diz e faz.

É publico e notório que a grande maioria das pessoas acredita que o Marketing Pessoal é feito para os seres que ocupam o topo da pirâmide hierárquica em uma corporação, ou seja, é destinado apenas aos que estão diretamente ligados a diretoria, etc. E isso é um engano incomensurável. Pois Marketing Pessoal tem a necessidade de quem o pratique seja simplesmente uma pessoa simpática bem atenciosa com todos à sua volta, isso se dá por duas razões a conferir:
A primeira: porque é o correto de se fazer, e;
A segunda, porque ao praticar você em concomitância estará consolidando um estilo comportamental adequado, tornando-o parte de você. E isso ainda vem a calhar com o adágio popular que diz: trate bem as pessoas quando estiver subindo porque você vai encontrá-las de novo quando estiver descendo.

Quando se fala de Marketing Pessoal, o mesmo pode ser definido como o “conjunto de ações e comportamentos que irão providenciar a sua visibilidade profissional”. No entanto, muitas vezes só apresentar boas intenções bem como demonstrar bons comportamentos podem não ser suficientes para garantir o nível de visibilidade necessário. Como já é do conhecimento de todo que existem consultorias especializadas em Comunicação Verbal, que tem por objetivo principal auxiliar o profissional a desenvolver suas aptidões de oratória, de apresentação. É possível observar ainda, um trabalho de Auto Conhecimento e Auto Desenvolvimento, que auxiliam muito o profissional a situar-se quanto às competências comportamentais que ele tem por necessidade de sobrevivência no mercado desenvolver para melhorar suas aptidões profissionais. E tenha certeza que esse é sem sombra de duvidas, um super  investimento a que cada um deve fazer presenteando a si próprio, no momento em que trilhando ou buscando encontrar o árduo porem merecido caminho do sucesso bem como o tão almejado crescimento profissional, que concomitantemente implicará no reconhecimento, daqueles que torcem pelo seu sucesso e certamente será espelho para quem busca ser, ter e fazer sucesso.

 

Abrir
Fechar Ir ao topo do site
Amato Serviços Contábeis  
Workshops:   ARTIGOS  •  LEGISLAÇÃO  •  INFORMATIVO DIGITAL
Fale Conosco:   Email
Compartilhe:   Twitter Facebook